México, sacerdote morto em tiroteio entre cartéis do narcotráfico

sacerdote morto méxico

O Ministro Provincial da Província Franciscana dos Santos Francisco e Santiago do México, padre Ángel Gabino Gutiérrez Martinez, OFM, informou sobre a morte violenta de seu coirmão, padre Juan Antonio Orozco Alvarado, OFM, vítima, junto com outras pessoas, de um confronto entre gangues armadas entre os cartéis que disputam o território.

A comunicação do Superior franciscano foi recebida pela Agência Fides no domingo, 13 de junho, festa de Santo Antônio de Pádua. A notícia foi confirmada por uma nota da Prelazia de Jesús María (del Nayar), que indica a manhã de sábado 12 de junho como a data do sangrento acontecimento, no qual além do sacerdote há outros mortos e feridos.

O sacerdote foi morto enquanto se dirigia para celebrar a missa

A comunidade católica de Guadalajara informou que o sacerdote perdeu a vida enquanto se dirigia para celebrar a missa na comunidade de Tepehuana de Pajaritos.


LEIA TAMBÉM: MÉXICO, A IGREJA AJUDA AS PESSOAS QUE PERDERAM O EMPREGO DURANTE A PANDEMIA


Alguns membros armados do cartel Jalisco Nueva Generación (CJNG) e do cartel de Sinaloa começaram a se atacar: o padre e o pequeno grupo de fiéis da comunidade que o recebia e ia com ele à igreja se viram no meio da luta.

A Conferência Episcopal Mexicana (CEM) lamentou o facto, desejando que Nossa Senhora de Guadalupe “consolasse com o coração de sua mãe a nossa dor e restituísse a justiça e a paz à nossa sociedade”.

O CEM recordou também que Fray Juan – originário de Monclova – foi “vítima da violência que existe no nosso país”.

doação ou assinatura mundo e missão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *